Conservação dos Charcos Temporários Mediterrânicos no Concelho de Odemira

Débora Nascimento, Madalena Guerreiro e Sérgio Ribeiro

Os Charcos Temporários Mediterrânicos (Habitat 3170 da Rede Natura 2000) estão listados como habitats de conservação prioritária na Directiva de Habitats da Comunidade Europeia desde 1992 (92/43/EEC). Na costa sudoeste este habitat tem sido progressivamente destruído pela agricultura intensiva, devido a drenagem ou afundamento para reservatórios de água. Estudámos o habitat, discutimos o problema da sua conservação e conversámos com pessoas ligadas aos diferentes pontos de vista: agricultores e agentes da Conservação da Biodiversidade. Propomo-nos implementar um Plano de Recuperação e Gestão de cinco charcos. Numa primeira fase seleccionámos, de entre dez possibilidades, cinco charcos prioritários para a conservação. Aplicámos as metodologias multicritério para apoio nesta tomada de decisão.

Clica aqui e descobre a apresentação dos dados deste projeto.